Uma árvore não é só uma árvore

O dia 21 de setembro é conhecido como o Dia da Árvore. O dia hoje tem como objetivo de incentivar o plantio de árvores e a conscientização sobre a importância de preservar as árvores e florestas.


Estima-se que no mundo existam 3 trilhões de árvores e o Brasil possui 8.715 espécies delas.


Um estudo publicado no início de 2022, estimou que existam cerca de 73.000 espécies de árvores na Terra e esse valor é 14% maior do que o número atual de espécies conhecidas. A maioria daquelas ainda não descobertas provavelmente são raras, com populações muito baixas e distribuição espacial limitada. E isso as torna especialmente vulneráveis ​​às intervenções causadas pelo homem, como desmatamento e mudanças climáticas.


As árvores são responsáveis por diversos benefícios à sociedade, dentre eles:

- capturam gás carbônico da atmosfera, atuando como "reservatórios", ou seja, ajudam no combate às mudanças climáticas.

- fornecem alimento para outros seres vivos, incluindo nós, os seres humanos.

- ajudam a evitar a erosão do solo

- são responsáveis por melhorar a umidade relativa do ar

- auxiliam na regulação do micro clima

- servem como matéria prima para construção civil, setor moveleiro


Entretanto, mesmo com todos esses benefícios, 30% das espécies estão em risco de extinção, 440 estão quase desaparecendo e outras 142 já foram declaradas extintas.


Pensar em árvores não é só pensar em árvores. É pensar em florestas. É pensar em biodiversidade. É pensar no futuro do planeta.



Fontes:

O número de espécies de árvores na terra (artigo)

O número de espécies de árvores na terra (resumo e comentários do artigo científico)

Importância das árvores

30% das árvores do mundo estão em risco de extinção: Brasil é o segundo país com o maior número de espécies ameaçadas